Copa do Mundo do Catar 2022: Cristiano Ronaldo faz história no futebol contra Gana enquanto Lionel Messi observa em imagem icônica

Cristiano Ronaldo, uma espécie de monstro absoluto.

A superestrela portuguesa deixou de lado uma semana de drama fora de campo para se tornar o primeiro jogador masculino a marcar em cinco Copas do Mundo da FIFA.

O jogador de 37 anos marcou friamente um pênalti no segundo tempo para marcou o primeiro gol de Portugal na vitória por 3 a 2 sobre Gana, no Catar.

Para colocar isso em contexto, apenas cinco jogadores jogaram em cinco Copas do Mundo, muito menos marcaram em cada uma.

Seu rival de longa data pela coroa de Melhor Jogador do Mundo, Lionel Messi, jogou com cinco, mas marcou apenas com quatro.

Ronaldo supera a lenda brasileira Pelé, que marcou em quatro Copas do Mundo.

E sem nenhum jogador atual perseguindo-o, ele poderia manter o recorde por muito tempo.

Assista aos melhores jogadores de futebol do mundo toda semana com beIN SPORTS no Kayo. Cobertura AO VIVO da Bundesliga, Ligue 1, Serie A, Carabao Cup, EFL e SPFL. Novo em Kayo? Comece sua avaliação gratuita agora >

No interminável debate GOAT entre os fãs de Ronaldo e Messi, essa estatística certamente surgirá agora.

Ronaldo entrou para marcar de pênalti aos 65 minutos, após ser derrubado momentos antes.

A multidão gritou “Siuu” – o tradicional canto de gol de Ronaldo, que significa sim em português – enquanto ele dobrava a esquina em comemoração.

Ele foi fotografado durante o voo durante a celebração de sua marca com um detalhe hilário no fundo da imagem.

A figura da mídia Piers Morgan twittou uma imagem de Ronaldo comemorando com o rosto amado de Messi ao fundo, como se olhasse com admiração para seu famoso rival.

Sem surpresa, a imagem gerou outra rodada de longos debates sobre o GOAT.

Ronaldo provavelmente deveria ter adicionado mais peso ao seu lado do argumento quando saiu contra Gana.

Aos 10 minutos ficou cara a cara com o goleiro, mas não conseguiu controlar a bola. Dois minutos depois, ele se levantou da maneira típica de Ronaldo para um cruzamento, mas seu cabeceamento saiu ao lado, apesar de não ter sido marcado.

Também não houve chances fáceis, mas aquelas que você esperaria que um jogador de sua qualidade finalizasse.

Mesmo no final do jogo, Ronaldo teve a chance de dobrar seu placar, mas seu chute foi negado pelo goleiro ganês.

Com os três pontos conquistados, Ronaldo foi substituído aos 84 minutos. Mais tarde, ele foi nomeado Jogador da Partida para encerrar uma grande noite para o superastro.

Foi um momento brilhante em uma semana difícil para Ronaldo, que deixou o Manchester United por consentimento mútuo depois de criticar o clube em uma entrevista explosiva com Piers Morgan.

Isso significa que Ronaldo é o único jogador do Catar sem clube a retornar após a Copa do Mundo.

Não que ele vá se importar ainda.

Mais tarde na quinta-feira, o Brasil, favorito à Copa do Mundo, lança sua tentativa de conquistar o sexto título mundial contra a perigosa seleção da Sérvia.

O Brasil tem uma variedade de talentos ofensivos, incluindo o atacante Neymar, do Paris Saint-Germain, e a dupla do Real Madrid, Vinicius Junior e Rodrygo.

O técnico Tite estará cauteloso com seus adversários do Grupo G depois de testemunhar as derrotas chocantes de Argentina e Alemanha já no Catar.

“Na minha opinião, esses jogadores (atacantes) vão ajudar Neymar porque podem dividir responsabilidades e criar espaço para ele”, disse o veterano brasileiro Thiago Silva.

“O clima na equipe é super saudável”, acrescentou. “A mistura de jogadores jovens e jogadores mais experientes cria uma grande conexão.” A Sérvia surge como uma proposta mais perigosa do que há quatro anos, quando também enfrentou o Brasil na fase de grupos, mas perdeu por 2 a 0 e foi eliminada na primeira fase.

“Não temos medo de ninguém no mundo, nem mesmo do Brasil”, disse o técnico sérvio Dragan Stojkovic, que espera que o prolífico atacante do Fulham, Aleksandar Mitrovic, esteja apto para o jogo no Lusail Stadium.

– Com AFP